11 sintomas de falta de magnésio que você não deve ignorar!

11 sintomas de falta de magnésio que você não deve ignorar!

Precisamos levar a sério a deficiência em magnésio, pois a falta prolongada deste mineral vital pode contribuir para problemas de saúde graves. Por isso, preste bem atenção, porque vou compartilhar com vocês os 11 sintomas mais comuns e significativos da falta de magnésio.

E não é algo que devemos ignorar, porque aproximadamente 66% da população nem sequer atinge a quantidade mínima de magnésio em sua dieta.

E tem mais, nos últimos 50 anos, temos visto um declínio nos níveis de magnésio, começando com o solo pobre nesse mineral, e claro, isso se reflete nas plantas e, por consequência, nos animais que comem essas plantas. E tudo isso impacta e muito no prato que comemos.

Como se não bastasse, 80% do magnésio se perde no processo de fabricação de alimentos. Então, dá uma olhada na quantidade de alimentos processados e refinados que a maioria das pessoas consome.

É uma verdadeira busca ao tesouro encontrar um pouco de magnésio nesses produtos nos supermercados.

Diante desses fatos, a chance de você estar com deficiência desse magnésio é bastante alta.

Quais as principais funções do magnésio?

Podemos dizer que o mineral magnésio ajuda a manter nosso corpo funcionando com perfeição.

Ele é o nosso regulador mestre, mantendo os níveis de outros minerais como cálcio, potássio e sódio, sempre equilibrados.

Ele também é um componente chave para a saúde das nossas células e tem um papel fundamental em mais de 300 funções, biológicas, funções bioquímicas.

Pessoal, olha a importância dele: um dos antioxidantes mais eficazes do nosso corpo, a glutationa, depende do magnésio para ser produzida.

O magnésio tem um trabalho essencial na manutenção das nossas artérias, principalmente da camada interna, que é o endotélio.

Ele atua como um vasodilatador eficiente, ajudando a manter as artérias flexíveis e prevenindo o endurecimento delas, que é conhecido como aterosclerose.

O magnésio também trabalha em conjunto com outros compostos para prevenir a formação de coágulos, o que é fundamental, considerando que a principal causa de morte no mundo é a doença cardíaca.

Assista meu vídeo O PERIGO que está SILENCIOSAMENTE transformando SUAS ARTÉRIAS em OSSOS! ATEROSCLEROSE, INFARTO E AVC

Precisamos levar a sério a deficiência de magnésio

Como já disse pessoal, precisamos levar a sério a deficiência de magnésio, pois a falta prolongada deste mineral pode contribuir para problemas de saúde mais graves, como danos importantes nos rins e fígado, esclerose múltipla, glaucoma, doença de Alzheimer e osteoporose devido à má absorção de vitamina D e cálcio, ao qual ele participa equilibrando.

A deficiência de magnésio é uma realidade para muitas pessoas e alguns de nós correm um risco maior do que outros.

Para começar, algumas pessoas têm maior dificuldade de absorver magnésio por questões genéticas.

E a alimentação pobre em magnésio e até o estresse podem levar a uma deficiência.

As doenças digestivas como o intestino permeável, doença celíaca e doença de Crohn, prejudicam a absorção de minerais, inclusive do magnésio.

Além disso, a nossa capacidade de absorver minerais diminui com a idade. As pessoas com diabetes tipo II devem ter mais atenção porque podem ter, mais facilmente, deficiência em magnésio.

Além disso, certos medicamentos podem danificar nosso intestino, que é o responsável por absorver os minerais que nos ingerimos todos os dias.

O álcool pode literalmente sugar os nutrientes das células e impedir a absorção adequada de vitaminas e minerais, incluindo o magnésio.

Como diagnosticar a falta de magnésio?

Vocês sabiam que somente 1% do magnésio presente em nosso corpo fica na corrente sanguínea?

A maioria fica dentro das células e nos ossos. Por isso, é comum que uma deficiência de magnésio possa passar despercebida em um exame de sangue comum, porque ele mede os níveis no sangue apenas.

Se o nível de magnésio no sangue cai, o corpo compensa usando reservas de células e ossos para manter a estabilidade, e dessa forma prevenindo problemas graves como cardíacos e outros.

Assim, apesar de um nível normal de magnésio no sangue, suas células e ossos, onde a maior parte do mineral é armazenada, podem estar deficientes.

Existe um exame que consegue medir a quantidade de magnésio dentro das células, mas, infelizmente, ele tem um custo mais alto, geralmente não é coberto pelos convênios médicos e também o SUS não realiza.

11 sintomas de falta de magnésio

Lembrando que, como é difícil testar com precisão a deficiência de magnésio, é sempre aconselhável prestar muita atenção aos seus sintomas. Então vamos a eles.

1 – Taquicardia e arritmias

Sabe aquele coração acelerado que você sente às vezes? Isso pode ser uma taquicardia, um termo médico para um ritmo cardíaco mais acelerado que o normal. E a falta do magnésio pode ser uma das causas.

O magnésio é como um descanso para o seu coração. Ele ajuda o coração a relaxar depois de cada batida que é feita graças ao mineral cálcio.

Quando falta magnésio, o seu coração não consegue relaxar direito e começa a bater mais rápido do que deveria.

Baixos níveis de magnésio também podem causar arritmias, que são alterações no ritmo das batidas do coração.

Assista meu vídeo Essas são AS VERDADEIRAS causas das PALPITAÇÕES – ARRITMIA no coração!

2 – Dormência ou formigamento nas pernas

A deficiência de magnésio também pode resultar em dormência ou formigamento nos dedos das mãos e pés, uma vez que este mineral é fundamental para o bom funcionamento dos nervos.

Quando ele está em falta, podemos começar a sentir esses sintomas desagradáveis.

Claro, existem várias outras condições médicas que podem causar isso, mas a falta de magnésio é uma possibilidade que não podemos esquecer, não podemos ignorar.

3 – Cãibras nas pernas

Sabe aquelas cãibras chatas nas pernas que muitas pessoas têm? Elas podem ser um sinal de que você está com falta de magnésio ou de potássio.

O magnésio desempenha um papel fundamental na transmissão de sinais entre os nervos e os músculos, além de ser essencial para a contração muscular.

Quando estamos com deficiência dele, esses processos podem ficar desregulados, resultando nas tão temidas cãibras.

A síndrome das pernas inquietas, aquela sensação de inquietação e desconforto nas pernas, também está associada à falta de magnésio.

4 – Insônia

A insônia pode ser um sinal de deficiência de magnésio, pois este mineral é vital para a função do neurotransmissor GABA, que acalma o cérebro e promove o relaxamento.

Tomar entre 200 a 400 miligramas de magnésio antes de dormir ou no jantar pode ajudar a combater a insônia.

Assista meu vídeo Insônia – higiene do sono, nutrientes e suplementos.

5 – Constipação

A constipação é outro sintoma comum de deficiência de magnésio. Na realidade pessoal, a falta de magnésio faz parte de um conjunto de problemas relacionados a constipação, não é a causa única ou isolada.

Mas o importante é você saber que o magnésio, especialmente o citrato de magnésio, pode aliviar a constipação de forma eficaz.

6 – Dor Muscular/Fibromialgia

A dor muscular e a fibromialgia, que é uma condição que traz dores e sensibilidade em várias partes do corpo, essas dores também estão bem relacionadas a deficiência de magnésio.

Um estudo publicado na revista Magnesium Research revelou que o aumento do consumo de magnésio reduziu bastante a dor e a sensibilidade em pessoas com fibromialgia.

Assista meu vídeo Fibromialgia – tratamentos, gatilhos, alimentação e suplementos!

7 – Ansiedade

O magnésio desempenha um papel essencial no nosso sistema nervoso central, especialmente no ciclo do GABA, que é um neurotransmissor responsável por nos acalmar.

Quando estamos com deficiência de magnésio, esse ciclo pode ficar desregulado, o que pode resultar em sintomas como irritabilidade e nervosismo.

À medida que a deficiência de magnésio se intensifica, os níveis de ansiedade podem aumentar bastante.

E em casos mais graves, pode até levar a sintomas de depressão e alucinações. Isso é sério, pessoal!

Assista meu vídeo Depressão – uso de antidepressivos naturais

8 – Pressão alta

O magnésio é um verdadeiro parceiro do cálcio quando se trata de manter a pressão arterial sob controle e proteger o coração.

Sabe por quê? Porque quando há deficiência de magnésio, geralmente há também uma baixa quantidade de cálcio no nosso organismo.

E isso pode resultar em hipertensão, ou seja, pressão alta.

Assista meu vídeo Acabe com a pressão alta em 4 semanas – Conheça os top 10 suplementos

9 – Fadiga

Baixa energia, fraqueza e fadiga são sintomas comuns de deficiência de magnésio. A síndrome de fadiga crônica também costuma estar associada à deficiência desse mineral.

O magnésio desempenha um papel crucial na produção de energia dentro das nossas células.

Garantir níveis adequados de magnésio é fundamental para manter nossos níveis de energia equilibrados e combater a fadiga.

10 – Enxaqueca

A deficiência de magnésio tem sido associada a enxaquecas devido à sua importância no equilíbrio dos neurotransmissores no corpo.

A enxaqueca é uma forma intensa e recorrente de dor de cabeça.

Tem estudos que mostram que a suplementação diária de magnésio pode reduzir a frequência das enxaquecas em até 42%.

11 – Osteoporose

O osso contém quase metade do magnésio do nosso corpo. Por isso, ele desempenha um papel essencial na saúde óssea, auxiliando na absorção e no metabolismo do cálcio.

Além do suplemento de magnésio para a saúde óssea, também é recomendável considerar o aumento da ingestão de vitamina D3 e K2, para promover de forma natural o aumento da densidade óssea.

Vídeos relacionados aos 11 sintomas de falta de magnésio

Ao Suplementar Vitamina D3 devo usar magnésio e vitamina K2

Referências

  1. https://draxe.com/nutrition/9-signs-magnesium-deficiency/
  2. https://youtu.be/ew_OmhKxFLg
  3. https://artigos.alainuro.com/coisas-que-adoecem/deficiencia-de-magnesio-e-zinco/
  4. https://youtu.be/c4IGYZ1iDUU
Dr. Alain Dutra
Dr. Alain Dutrahttps://artigos.alainuro.com
Dr. Alain Dutra é médico urologista. Além dos aspectos tradicionais de uma consulta médica, busco avaliar a sua vida como um todo, para entender onde seus hábitos de vida (sejam esses alimentares, de exercícios ou níveis de estresse) estão contribuindo para o seu atual estado de saúde.

Mais Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Outros Artigos

Últimos artigos

6 remédios naturais baratos que realmente funcionam

6 remédios naturais baratos que realmente funcionam Olá! Vivemos tempos em que economizar é essencial, mas sem jamais comprometer a qualidade do cuidado com nossa...

Os incríveis benefícios de tomar vinagre de maçã antes de dormir

Os incríveis benefícios de tomar vinagre de maçã antes de dormir Você está cansado de sentir refluxo, principalmente quando deita a noite ou está cansado...

8 alimentos que destroem seu intestino

8 alimentos que destroem seu intestino Hoje vamos falar sobre aquelas comidas que realmente estão destruindo sua saúde intestinal. Lembra quando eu sempre digo aqui no...

Assine nosso newsletter e receba as últimas notícias direto em seu e-mail

loading...