O que acontece se você mastigar cravos todos os dias?

O que acontece se você mastigar cravos todos os dias?

O que acontece se você mastigar cravos todos os dias? (CRAVO DA ÍNDIA). Fique comigo até o final que tem muita informação valiosa para potencializar a sua saúde.

Hoje vamos falar sobre um poderoso aliado para a nossa saúde que talvez esteja escondido no seu armário de temperos – o cravo-da-índia.

Então, aqui vai um desafio: experimente mastigar dois cravos em jejum, ou tomar um delicioso chá, e acompanhe as transformações positivas que irão ocorrer no seu organismo.

O cravo tem o pode de melhorar desde a nossa digestão até fortalecer nossa imunidade, e ainda por cima pode contribuir e muito para a nossa saúde bucal!

Podemos mastigar cravos?

O cravo, que é conhecido aqui no Brasil como cravo-da-índia, e também é chamado de cravinho, na verdade pessoal, esse pequeno tempero maravilhoso, é nada mais que botões de flores minúsculas, produzidas em uma árvore chamada Syzygium aromaticum.

Esses botõezinhos são colhidos ainda jovens, imaturos e, em seguida, são secos. E aí você pode se perguntar: “dá pra comer o cravo ou mastigar cravos??”

Dá pra comer o cravo ou mastigar cravos?

Dá sim! E é por isso que são geralmente moídos em pequenas quantidades e adicionados a pratos deliciosos, esse é o jeito certo de consumir.

Agora quando falamos dos botões inteiros, o jeito certo é usar em infusões, extraindo na água ou no óleo os seus benefícios, seja esmagados ou mesmo inteiros.

Agora, um jeito bem interessante é mastigar cravos por alguns minutos, a mastigação faz soltar seus componentes que são absorvidos mais facilmente.

Benefícios do cravo

Pessoal, o cravo é um antioxidante poderoso! Sabe aqueles radicais livres em excesso que causam estresse oxidativo no nosso corpo e podem levar a problemas crônicos como câncer e doenças cardíacas?

O cravo ajuda a dar um chega pra lá neles! E tudo graças ao Eugenol, que é um composto antioxidante poderoso presente no cravo, inclusive esse compostos pode ser até cinco vezes mais potente que a vitamina E, que é um dos antioxidantes mais conhecidos.

Além disso, o cravo é um verdadeiro escudo contra inflamações. As doenças costumam estar ligadas à inflamação crônica, e, ao combater essa inflamação, estamos prevenindo uma série de problemas, como doenças as cardiovasculares.

Os antioxidantes presentes no cravo também fortalecem nosso sistema de defesa imune, auxiliando nosso corpo a lutar contra doenças respiratórias.

Comer cravo todos os dias potencializa ainda mais a função do nosso sistema imunológico porque ele ajuda a eliminar bactérias, vírus e fungos que podem causar infecções.

Além disso, os cravos também são usados para tratar condições respiratórias, como tosse e resfriados.

Pessoal, o cravo é rico em manganês, um mineral importante para a saúde dos nossos ossos.

Ele proporciona impressionantes 30% da necessidade diária em apenas 1 colher de chá de cravo moído.

O manganês é um mineral que está envolvido na formação dos ossos e é extremamente importante para manter a nossa saúde óssea.

Um estudo em animais descobriu que tomar suplementos de manganês por 12 semanas aumentou a densidade mineral óssea e o crescimento ósseo.

Benefícios do óleo essencial do cravo

Falando um pouco do óleo essencial do cravo, ele tem uma poderosa ação contra fungos.

Tem pesquisas que indicam que ele pode combater fungos encontrados em onicomicoses, que é uma infecção fúngica nas unhas.

Ele combate leveduras como a da Candida albicans, Trichophyton mentagrophytes, Saccharomyces cerevisiae e até mesmo o Aspergillus niger.

Se você está lidando com doenças causadas pela inalação de esporos de fungos como o Aspergillus niger, uma alternativa pode ser usar o óleo de cravo em inaladores ou vaporizadores, nesse caso com indicação do seu médico.

Ah, e tem mais uma dica valiosa! Sabe aqueles armários que acabam acumulando mofo?

O óleo de cravo pode ajudar a combater esses fungos também. Você pode usá-lo em forma de aromaterapia em ambientes que costumam ter muito mofo.

Assim, além de deixar o local com um cheirinho incrível, você mantém os fungos longe.

Três indicações interessantes do cravo para a saúde

Pessoal, vou falar das três indicações mais interessantes do cravo para a saúde. Adicionar uma pitada de cravo à sua refeição, não só vai deixar tudo mais gostoso, mas também vai melhorar a sua digestão.

Indicação 1 – Melhora a sua digestão

Ele estimula a secreção dos sucos digestivos, ajuda a proteger a mucosa do estômago e ainda possui propriedades antimicrobianas que combatem as bactérias indesejadas no estômago e no intestino.

Interessante, né? Mastigar cravos pela manhã ou antes das refeições pode aumentar a produção de saliva, o que dá um empurrãozinho na digestão.

Além disso, o cravo melhora o peristaltismo intestinal, o movimento que impulsiona os alimentos através do trato digestivo, evitando a constipação e contribuindo para a regularidade intestinal.

Falando em propriedades maravilhosas do cravo, já falei sobre o composto Eugenol, e no contexto da saúde digestória, ele vai ajudar a reduzir sintomas como indigestão, inchaço, gases e náuseas.

Os compostos encontrados no cravo têm se mostrado eficazes em estudos para tratar até úlceras estomacais.

Segundo pesquisas, o óleo essencial de cravo aumenta a produção do muco gástrico protetor.

Esse muco age como uma barreira, prevenindo a erosão do revestimento do estômago pelos ácidos digestivos.

E tem mais: há evidências que sugerem que o cravo pode ser útil para reduzir os sintomas da síndrome do intestino irritável.

Assista meu vídeo SIBO | Síndrome do intestino irritável

Indicação 2 – Melhora a sua digestão

Outra indicação bem interessante é que os componentes presentes no cravo têm um impacto direto no nosso pâncreas, potencializando a secreção de insulina.

A insulina, como vocês sabem, é o hormônio responsável por transportar o açúcar para dentro das nossas células.

Por isso, é essencial que ela funcione bem, funcione da forma correta, para manter os níveis de açúcar no sangue estabilizados.

E adivinhem só, o cravo pode ajudar a tornar nosso corpo mais sensível à insulina, diminuindo a resistência a esse hormônio.

Isso, combinado com uma dieta balanceada, pode manter nossos níveis de glicose sob controle.

Estudos científicos mostraram que o extrato de cravo, ajudou adultos a manter os níveis normais de açúcar no sangue.

Um estudo piloto até demonstrou que o extrato de cravo reduziu os níveis de glicose no sangue, tanto antes quanto depois das refeições em pessoas saudáveis e pré-diabéticos.

Assista meu vídeo 10 SINAIS PERIGOSOS de que seu AÇÚCAR está ALTO no SANGUE

Indicação 3 – Aliado contra as dores de dente

Pessoal, o cravo-da-índia é um poderoso aliado contra as dores de dente, inflamação na gengiva, placas bacterianas e até mesmo o temido mau hálito.

Sabe o que faz a mágica acontecer? O composto Eugenol que eu já mencionei algumas vezes, porque ele também é um analgésico natural e um antiséptico, ótimo para aliviar aquela dorzinha chata de dente.

Ele também tem propriedades antibacterianas que ajudam a combater as bactérias ruins da boca, diminuindo o risco de cáries e gengivite.

Por isso, mastigar cravos ou usar óleo de cravo pode ser um alívio rápido e eficaz para a dor de dente e um trunfo contra o mau hálito.

E as propriedades antibacterianas do cravo fazem dele uma alternativa natural aos enxaguantes bucais comerciais, que muitas vezes contêm produtos químicos agressivos que podem prejudicar nossa saúde bucal.

Dicas importantes sobre o uso do cravo

Aqui vão algumas dicas importantes sobre o uso do cravo, pra garantir que você possa aproveitar todos os benefícios sem correr riscos.

Então, vamos lá.

Mastigar dois cravos

Mastigar cravos 2 por dia, vai trazer muitos dos benefícios que disse antes.

Agora, caso você não consiga ou não goste de mastiga-los, existem outras formas interessantes de uso.

Cravo moído

Temos o cravo moído, que você pode usar até uma colher de chá por dia. Isso é bem seguro, e já pode trazer aqueles benefícios que eu falei.

Chá de Cravo

E tem mais, você pode preparar um chá de cravo que é maravilhoso e super benéfico para a saúde, pode tomar em jejum antes das refeições para ajudar na digestão e também para evitar picos de açúcar no sangue.

É bem simples: ferva um punhado de cravos por volta de 5 botões, em água por uns 5 a 10 minutos e pronto, um chá delicioso e super saudável.

Você também pode esmagar 5 cravos-da-índia e adicioná-los a uma xícara com água já fervida, deixando repousar por 5 minutos.

Prefiro essa última opção porque, ao esmagar o cravo, mais de seus benefícios são liberados na água.

Agora, para aliviar a dor de dente eu prefiro a opção de mastigar de um a dois cravos por uns 2 a 5 minutos até você sentir a melhora acontecer.

Óleo essencial de cravo

Mas se você não gosta da ideia de mastigar cravos, tem outro jeito: misture 1 gota de óleo essencial de cravo com uma colher de sobremesa de óleo de coco, use um cotonete para mergulhar na mistura dos óleos e pressione a área da gengiva sensível onde está dolorido, ou diretamente no dente dolorido.

Já pra cuidar da saúde bucal no dia-a-dia você até encontra uns enxaguantes bucais e pastas de dentes que contém de 1% a 5% de óleo essencial de cravo.

Esses são excelentes!

Atenção ao uso do cravo

Pessoal, quando a gente coloca esse tempero na nossa comida em pequenas quantidades, ele é geralmente bem tolerado e seguro para a maioria de nós, exceto, claro, para quem tem alergia.

Mas tenha atenção ao uso do óleo de cravo: sua ingestão deve ser feita em doses mínimas porque ele é bem concentrado, e sempre diluído e sob orientação médica, já que exageros podem causar indigestão, sensação de queimação e até danos hepáticos.

Teste na pele antes de usar para evitar reações alérgicas. Grávidas, lactantes, crianças devem evitar o uso do óleo essencial.

Já pessoas em tratamento para diabetes ou com distúrbios hemorrágicos devem conversar com seu médico, uma vez que o eugenol, componente do cravo, pode interferir na coagulação sanguínea e nos níveis de açúcar.

Continue comigo e assista a estes dois vídeos relacionados que são sensacionais, sobre: Conheça os Grandes Benefícios das Enzimas Digestivas e Como usar a folha de louro para digestão e diabetes, que estão aparecendo aí na tela.

1. https://youtu.be/bUpZ5swMlNA
2. https://youtu.be/BxcnIA59_S4

Muito obrigado pela sua atenção. Um grande abraço e um beijo no seu coração.

Referências

Estudos

https://bmccomplementmedtherapies.biomedcentral.com/articles/10.1186/s12906-019-2507-7
https://www.sciencedirect.com/science/article/abs/pii/S0300571206000248?via%3Dihub
https://www.sciencedirect.com/science/article/abs/pii/S0378874104004593?via%3Dihub
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4285960/
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3074903/
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3769004/
https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/8904847/
https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/21987283/
https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/28338397/
https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/21711176/
https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/18330520/
https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/21140134/
https://pubmed.ncbi.nlm.nih.gov/19062476/

Dr. Alain Dutra
Dr. Alain Dutrahttps://artigos.alainuro.com
Dr. Alain Dutra é médico urologista. Além dos aspectos tradicionais de uma consulta médica, busco avaliar a sua vida como um todo, para entender onde seus hábitos de vida (sejam esses alimentares, de exercícios ou níveis de estresse) estão contribuindo para o seu atual estado de saúde.

Mais Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Outros Artigos

Últimos artigos

10 piores alimentos para a saúde do coração

10 piores alimentos para a saúde do coração Neste artigo, vou revelar os 10 piores alimentos para a saúde do coração e explicar os desafios...

Água com Sal em Jejum: Efeitos de Tomar de Manhã

Água com Sal em Jejum: Efeitos de Tomar de Manhã Nesse artigo revelo o poder e segredos da água com sal integral e como ela...

Lipase: A Enzima Chave na Digestão de Gorduras

Lipase: A Enzima Chave na Digestão de Gorduras Conheça a Lipase, a enzima chave na digestão de gorduras que combate gases, barriga inchada e má digestão. O Verdadeiro...

Assine nosso newsletter e receba as últimas notícias direto em seu e-mail

loading...