• Intestino é segundo cérebro. Existe uma comunicação intensa entre os dois órgãos
  • Sintomas intestinais persistentes pode provocar névoa mental, problemas de memória e concentração (eixo intestino-cérebro).  Pode afetar humor, energia mental e causar distúrbios mentais ou psicológicos.
  • Como desconfiar que pode estar havendo um problema na barreira intestinal afetando seu cérebro ?
    • Dor e desconforto após refeições
    • Distensão e gases
    • Problemas de digestão de alimentos – Comeu algo e parece que não sai do estômago. 
    • Intolerâncias a alimentos
  • Se o intestino está inflamado, em chamas, o cérebro também está. Equivalência entre barreiras do intestino e do cérebro.
  • Sistema nervoso entérico tem 200 milhões de neurônios. O microbioma tem milhares de espécies de microorganismo e 3 milhões de genes que corresponde a 99% do pool do holobionte. É importante garantir que haja equilíbrio entre as espécies e que as favoráveis a nossa saúde sejam prevalentes.
  • Correlação entre doenças do intestino e do cérebro. Estudo da Lancet – 42% dos portadores de Crohn também tinham lesões no cérebro. 46% dos portadores de colites também tinham lesões no cérebro.
    • Estresse, ansiedade.
    • Parkinson.
    • Doença bipolar.
    • Problemas de foco e memoria.
    • Esquizofrenia e autismo.
  • Neurotransmissores – Serotonina produzida no intestino – Intestino funcionando mal leva a deficiência de serotonina e distúrbios de ansiedade e depressão. GABA produzido por bactérias do intestino – neurotransmissor calmante do cérebro
  • Problemas estruturais e funcionais do cérebro estão relacionados ao funcionamento cerebral. Em crianças e adultos jovens.
  • Umas das condições que levam ao intestino permeável e a intoxicação por metais tóxicos. Conheça a avaliação gratuita de metais na clínica HRI. No final do vídeo vai aparecer um link para você saber mais a respeito.