A Medicina mais praticada atualmente ainda está excessivamente calcada na especialidades médicas, que procuram dividir o corpo humano em vários órgãos e sistemas e tratá-los em separado. Isso foi julgado como necessário devido ao crescente aumento da complexidade da Medicina nos últimos 100 anos. Isso teve seu lado positivo mas infelizmente também o negativo.
Hoje o cidadão comum se vê forçado a passar em vários médicos especialistas para prevenir e tratar várias doenças. Com a criação dos planos de Saúde e Medicinas de Grupo isso se salientou e houve uma banalização das consultas. Hoje o médico especialista que trabalha com planos faz consultas excessivamente rápidas de duração de poucos minutos, é mal remunerado, e obrigado a fazer muito volume de atendimento.
Já pelo lado dos pacientes são muitos médicos diferentes que na maioria das vezes não se comunicam bem entre si. O indivíduo é avaliado em partes e não no todo por vários profissionais diferentes. Se acumulam remédios que tratam sintomas e não curam, os efeitos colaterais vão se somando com grande prejuízo da qualidade de vida. Isso tudo com o aval de uma indústria farmacêutica basicamente interessada em lucros e pouco comprometida com curas.

A medicina integrativa é um resgate da Clínica Geral sob a ótica da visão holística de integrar todos os sistemas do corpo humano usando vários recursos da ortomolecular, fitoterapia, homeopatia e medicinas tradicionais chinesa e indiana. Isso tudo solidamente calcado em estudos científicos modernos. Já a medicina funcional entende que as bases da maioria das doenças que levam ao óbito hoje em dia são as mesmas, e que, mesmo sendo complexas, podem ser atacada em sua origem, ao contrário do que se faz com o tratamento alopático sintomático.

Acompanhe esta live e entenda melhor os papéis das medicinas funcional e integrativa na melhora de qualidade de vidas das pessoas e no combate a origem das doenças.

150 COMENTÁRIOS

  1. Já passei por consulta e comecei a tomar as fórmulas prescritas. Tenho exames complementares para fazer. Pensando em erro de diagnóstico, devo parar com as fórmulas ou informar o laboratório do que estou tomando antes dos novos exames??? Abraço e boa semana.

    • Vou procurar e adiquirir e ler.obrigado Ana Paula Rodrigues.
      meu filho tem 26,e foi diagnosticado ano passado com Síndrome Asperger.Desde então venho buscando informações e cuidando com Probióticos e ortomolecular.

  2. Dr. Sou hipertensa estou no climatério , poderia estar tratando os sintomas do climatério com a medicina integrativa uma vez que é usado hormônio está medicina ? Parei de tomar contraceptivo a um.mes por conta do climatério e normal não menstruar alguns meses ? Isso não é falta de reposição de hormonal ? Onde a medicina integrativa entra nesse caso. Obrigado

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.