• Se você ainda não assistiu assista ao último vídeo da quinta feira sobre os top 8 alimentos que previnem cancer de prostata.
  • Licopeno – Pesquisas clínicas mostram que os suplementos de licopeno podem inibir o crescimento do câncer de próstata.
  • extrato da romã (pomegranate) – Em um estudo in vitro, os cientistas descobriram que um extrato padronizado de romã tinha efeitos apoptóticos dose-dependentes (indutores de morte celular) contra células de câncer de próstata.
  • Selênio – Suplementação com selênio reduz o risco de câncer de próstata em até 63%.
  • Zinco – Suplementação com 15 mg de zinco por dia reduz o risco de câncer de próstata avançado.
  • Boro – Homens com maior incidência de câncer de próstata, comparados aos homens com menor consumo.
  • Vitamina D3 – Níveis mais altos de vitamina D estão associados a uma maior probabilidade de sobrevivência após o diagnóstico de câncer de próstata.
  • Tocotrienóis (Vitamina E) – Homens com os níveis mais elevados de gama-tocoferol foram encontrados para ter uma redução de cinco vezes no risco de desenvolver câncer de próstata.
  • Extrato de chá verde – Tem sido sugerido que as catequinas do chá verde, incluindo o epigalocatequina-3 galato (EGCG), podem inibir o crescimento de células cancerígenas. Um estudo duplo-cego controlado por placebo testou se homens com lesões pré-malignas da próstata que consumiram um suplemento de catequina do chá verde iriam progredir para o câncer. Depois de um ano, apenas 3% dos homens no grupo do chá verde evoluíram para o câncer, enquanto 30% no grupo do placebo evoluíram para a doença – dez vezes mais!
  • Óleo de peixe (omega 3) – Os ácidos graxos ômega-3 EPA e DHA encontrados nos suplementos de óleo de peixe podem ajudar a reduzir a produção de subprodutos de promoção de tumores derivados do ácido araquidônico no organismo, que podem ajudar a prevenir o câncer de próstata.
  • Delfinidina – A delfinidina é uma antocianidina (um pigmento vegetal que dá às frutas e vegetais suas cores vermelho-escuro, roxo e azul). Os dados mostram que as delfinidinas induzem a apoptose em células humanas de câncer de próstata, possivelmente inibindo o regulador principal de NF-kB (fator nuclear kappa B).
  • Curcumina – A curcumina induz a apoptose, interfere na disseminação das células cancerígenas e regula as respostas inflamatórias por meio do fator nuclear regulador-kappa B (NF-kappa B), um complexo protéico que controla a transcrição do DNA.
  • Coenzima Q10 – Foi mostrado que inibe o crescimento de células de câncer de próstata em 70% in vitro, o que sugere que ele pode aumentar a sobrevida em pacientes com câncer de próstata.
  • Boswellia serrata – O extrato purificado do gênero Boswellia pode inibir seletivamente os fatores inflamatórios (enzima 5-LOX e TNF-alfa), o que o torna um importante nutriente na prevenção do câncer de próstata.
  • Apigenina – Trata-se de um Flavonóide (https://www.youtube.com/watch?v=mHJgzuOoMOM&t=1s). Em um estudo com camundongos, a administração do poderoso flavonóide inibiu o volume das células cancerosas da próstata em até 59%.
  • Beta-sitosterol – Um estudo em células de câncer de próstata mostrou que o fitoesterol conhecido como beta-sitosterol diminuiu o crescimento de células cancerígenas em 24% e aumentou em quatro vezes a apoptose.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.