Que exames de sangue fazer anualmente? Exames esquecidos pela maioria dos médicos.

Conheça os exames são importantes para um checkup e como interpretar os valores de referência ideias.

Exame de sangue – Hemograma

Dá para tirar muita informação útil de um simples exame de sangue de hemograma. Podemos saber, por exemplo, se tem anemia, se tem infecção, se tem leucemia, que é uma doença mais rara. 

Em se tratando de leucócitos ou células brancas, o valor de 6500 já deve ser alerta para infecção ou inflamação.

Dentro do hemograma também tem um subtipo de célula branca que chama eosinófilo, esse exame de sangue da pista para alergias e infecções por parasitas. Muito importante e as vezes esquecido, porque exames específicos para parasitas e alergias são bem mais difíceis de fazer. 

Podemos também através do exame de sangue de hemograma ver como estão as plaquetas, porque se estiverem baixas pode ser sinal de problemas na coagulação.

 

Exame de sangue – Potássio, ureia e creatinina

Os exames de potássio, ureia e creatinina vão avaliar como está a função dos rins que não é bem vista por exames de imagem. 

Quando os rins do paciente começam a funcionar de forma inadequada e a sua capacidade de filtrar o sangue fica afetada, as concentrações de potássio, ureia e creatinina no sangue tendem a ser elevar.

 

Exame de sangue – TGO, TGP e Gama GT

O TGO E TGP são exames de sangue que medem como está a função do fígado. Não é bom que o TGO também conhecido como AST; e o TGP também conhecido como ALT estejam muito acima do valor 20.

O Gama GT ou gama glutaril transpeptidase. É uma enzima que atua no corpo inteiro, mas, mais intensamente no fígado e serve de marcador de função desse nobre órgão. Os valores também tem que estar abaixo ou em torno de 20. 

Estando significativamente acima de vinte isso é um sinal de que o seu fígado está trabalhando hora extra, pode estar sobrecarregado com detox porque você está exposto a substancias tóxicas ou fármacos demais. No caso pode ser por:

Nesse caso de alterações precisa se afastar das causas e usar nutrientes e fitoquímicos que ajudam como é o caso da silimarina, ácido alfalipóico, NAC, complexo da vitamina E, entre outros.

As vitaminas B9 ou ácido fólico, B12 e D3 são importantes para guiar a reposição se forem possíveis de serem feitas.

 

Exame de sangue – Hormônios T3 e T3 Reverso

Geralmente, a maioria dos médicos só pedem o TSH e T4. É importante também medir T3 e T3 reverso.

O exame de sangue T3 é importante medir porque muitas pessoas não convertem direito T4 em T3. É importante que o T3 esteja no mínimo na metade da referência padrão.

T3 reverso também diz se você está convertendo pouco T4 em T3. Por isso é importante.

Falta de conversão pode querer dizer falta de selênio, de vitamina D3, ou de zinco ou de cobre ou ainda desequilíbrio no cortisol.

 

Exames de sangue hormonais mais importantes

Os exames hormonais também são importantes e minimamente tem que ser pedido:
Consumo excessivo de álcool

  • FSH
  • LH
  • Estradiol
  • Testosterona
  • DHEA sulfatado
  • Progesterona
  • Estrona

Para saber mais sobre o DHEA , assista esse vídeo!

 

Exames de sangue que são frequentemente esquecidos

Insulina de jejum

O ideal em torno de quatro (4) e ruim acima de dez (10).

Esse é um marcador que altera muito antes do açúcar do sangue e te mostra se você está pré-diabético.

 

Homocisteína

É um marcador de metilação que é um processo bioquímico muito importante que regula o detox, a formação de neurotransmissores no cérebro, a coagulação do sangue e o funcionamento correto dos ossos. 

A homocisteína elevada provoca aumento de risco de infarto, de derrame ou AVC, de abortos de repetição, de câncer, de osteoporose, de ansiedade e depressão e doenças psiquiátricas.

Os valores normais são entre seis (6) e oito (8)

Para saber mais sobre o exame de sangue de homocisteína , assista esse vídeo!

 

Hemoglobina glicada, glicosilada ou HbA1C

É um resumo do controle do açúcar no sangue dos últimos 90 dias. Bem mais útil do que ver somente o açúcar do sangue, porque ele é o resumo, é como se fosse um filminho editado do que aconteceu no seu sangue em termos de açúcar nos últimos noventa dias. 

Acima do número 5,5 já é ruim porque significa uma resistência insulínica. Acima de 6 já é pré-diabetes e acima de 6,3 já é diabetes.

Mesmo o estado de resistência insulínica já é ruim.

 

Ferritina

Mostra como está o depósito de ferro no organismo. Valores muito baixos como menos de 30 em mulheres é ruim, o que é comum em mulheres que menstruam todos os meses e isso provoca anemia e fraqueza além de baixo funcionamento da glândula tireoide que depende do ferro para funcionar direito.

Valores altos, acima de 150 também são ruins e bem comuns em homens, porque não menstruam. A ferritina serve como marcador de inflamação e de uma doença conhecida como hemossiderose.

Ferritina baixa deve ser tratada com reposição de ferro por via oral ou por injeções. e ferritina alta o tratamento é suporte ao fígado e flebotomias ou sangrias terapêuticas, além de doação de sangue quando o banco de sangue aceita.

                     Para saber mais sobre o exame de sangue de ferritina , assista esse vídeo!

 

Fibrinogênio

É uma substância que pode ser ativada em fibrina e isso faz parte da cascata de coagulação. Quando esse exame está acima ou até mesmo no limite superior da normalidade, isso aumenta o risco de trombose e de eventos cardiovasculares como o AVC e o infarto

E esse é um exame pedido com pouca frequência pela maioria dos médicos.

 

Proteína C reativa ultra-sensível

esse é um importante marcador de inflamação crônica que aumenta também agudamente nas infecções agudas, como pneumonia, outras infecções respiratórias e infecções urinárias.

O seu maior valor é como marcador de inflamação silenciosa que está por trás da maioria das doenças que levam a morte.

Acima do valor de 0,5 já é sinal de alerta. Demanda mudanças de hábitos de vida ou uso de substâncias antioxidantes ou anti-inflamatórias.

 

Ácido úrico

O ácido úrico é um marcador de síndrome metabólica e pode aumentar a pressão arterial.

Os valores ideias são até 4,5 em mulheres e até 5 em homens.

 

Outros exames importantes

O colesterol, frações e triglicerídeos também são importantes, mas tem o jeito certo de interpretar, para isso assista meus outros vídeos sobre esse assunto.

Para saber mais sobre o mito do colesterol, assista esse vídeo!

 

O PSA é um marcador muito falho, mas para homens é importante após 45 ou 50 anos.

A densitometria óssea é um exame importante para mulheres no climatério ou menopausa para ver a densidade dos ossos.

Endoscopia digestiva alta e colonoscopia em várias situações são importantes.

O teste ergométrico e o ecocardiograma, que é para checar o coração, devem ser feitos anualmente ou a cada dois anos em pessoas acima dos quarenta anos ou com sintomas.

O Ultrassom de tireoide, de abdome e de mama também devem ter essa periodicidade. 

Não faça mamografia todos os anos. Eu faria somente com alterações no exame físico ou ultrassom ou no máximo a cada três anos, porque a radiação do exame por si só pode causar câncer se for em exagero.

A Termografia pode ser um exame substituto a mamografia e com grande eficácia, sem efeitos adversos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.