Conheça o lado bom e o lado ruim da soja

  • A partir dos anos 1990 houve uma explosão no consumo de soja em todo o Mundo, inclusive no Brasil. Ela já foi considerada um superalimento e uma campanha de marketing muito bem orquestrada fez com que a soja fosse percebida por mais de 80% da população como algo saudável. Foi algo parecido com o que ocorreu com o óleo canola, mas isso será assunto de outro vídeo.
  • Até hoje muitos estudos conferem a soja o poder de proteger o coração e baixar a pressão arterial. Porém, ao contrário das culturas tradicionais asiáticas, que consomem a soja em baixa quantidade, na forma integral, orgânica e também fermentada, nós consumimos esta leguminosa separada nas formas de proteína e óleo. A forma ingerida por nós ocidentais é a da planta transgênica para que ela possa aguentar a grande carga de herbicidas colocada nas plantações, especialmente o glifosato. O Dr. Kaayla Daniel, autor do livro The Whole Soy Story, não traduzido para o português, fez um levantamento de milhares de estudos, fazendo a correlação entre a soja e desnutrição, problemas digestivos, problemas do sistema imune, problemas de tireoide, problemas de funcionamento cerebral e infertilidade. Vai aparecer aí na sua tela uma lista de problemas de saúde que ele identificou.
 
  • Os defensores da soja vão argumentar que os alimentos à base desta leguminosa, irão protegê-lo de tudo, de câncer de cólon, próstata e de mama a derrames, osteoporose e asma. Porém eles se esquecem de diferenciar as formas fermentadas das não fermentadas. E os entusiastas nunca mencionaram os estudos que esclarecem as desvantagens da soja e todos os perigos que ela representa a saúde, que são baseados em pesquisas confiáveis.
  • Vamos aqui resumir os problemas da soja e se você quiser saber mais detalhes pesquise no site do Dr. Mercola  ou compre o livro do Kaayla Daniel.
    • 1. 91% da soja das Américas é transgênica. Isso para que a cultura possa aguentar o veneno glifosato. Existem evidencias de que essa soja modificada esteja aumentando a quantidade de alergias e modificando o microbioma humano, as bactérias do bem que moram nos nossos intestinos.
    • 2. A soja possui antinutrientes; entre eles fitatos e agentes estrogênicos. Atrapalham a absorção de alguns nutrientes, especialmente minerais, e atrapalham enzimas. Os agentes estrogênicos perturbam o sistema endócrino e podem aumentar o risco de câncer de mama.
    • 3. A soja contém hemaglutinina que agrega as células vermelhas e atrapalham a distribuição de oxigênio para o organismo.
    • 4. A soja tem níveis tóxicos de alumínio e manganês.
    • 5. As fórmulas infantis a base de soja prejudicam a saúde dos bebês. As quantidades de estrogênio nelas presentes prejudicam o desenvolvimento do aparelho reprodutivo.
  • Bem, então quem poderá nos proteger ? Qual é a saída para esses problemas ? Simples, a soja fermentada e orgânica. Após um longo processo de fermentação, os antinutrientes da soja são reduzidos e o lado bom dela começa a aparecer. E é uma excelente fonte da vitamina K2 que será assunto de outro vídeo.
  • Os principais produtos que você irá encontrar são:
    1. Tempeh, uma espécie de bolo de soja fermentado que tem textura firme e um sabor que lembra nozes ou cogumelos.
    2. Missô, uma pasta fermentada de soja com textura salgada e amanteigada, comumente usada na forma de sopa.
    3. Natto, soja fermentada que tem uma textura pegajosa e forte sabor de queijo. Por isso que muitas pessoas confundem e acham que Natto é um tipo de queijo.
    4.  Molho de soja, que é tradicionalmente feito por fermentação de soja, sal e enzimas; Seja cauteloso porque muitas variedades no mercado hoje são feitas artificialmente usando um processo químico, então tem que ser a forma orgânica. Não pode ser aquele cheio de glutamato monossódico.
  • Fique longe do tofu, a não ser que você tenha certeza que é a forma fermentada, que é difícil de achar. O tofu comum é feito de proteína vegetal texturizada que está cheio de glutamato monossódico. Todos os outros produtos de soja não fermentada devem ser evitados, especialmente aqueles suquinhos da marca cujo nome parece com o Deus da morte da mitologia grega 
  • Para conhecer mais detalhes sobre como obter a soja orgânica, faça parte do grupo de apoiadores
  • Todos nós sabemos que o carro chefe das mortes são as doenças cardiovasculares, que compreendem o infarto, o AVC, doença coronariana e arritmias. Normalmente se usa o AAS infantil ou aspirina para prevenir essas doenças para quem já teve um episódio ou está dentro de algum grupo de alto risco. Porém a aspirina tem vários riscos como sangramento gastrointestinal e intracraniano. Acompanhe esse vídeo e conheça a alternativa natural nattokinase.
  • Segundo a American Heart Association, quase 84 milhões de pessoas nos Estados Unidos sofrem de alguma forma de doença cardiovascular, que agora mata 1 em cada 3 pessoas. Os custos diretos e indiretos chegam a quase 315 bilhões de dólares e aumentam a cada ano. Quase um terço das mortes por doenças cardiovasculares ocorre antes dos 75 anos. O Acidente vascular cerebral é uma das principais causas de incapacidade a longo prazo. As mulheres têm um risco ao longo da vida maior do que os homens e, em média, alguém nos EUA sofre um derrame a cada 40 segundos. Os fatores de risco para doenças cardíacas incluem pressão alta, fumo, diabetes, obesidade e falta de física.
  • Já há muitos anos, o AAS é usado como estratégia para reduzir os riscos de ataque cardíaco e derrame por afinar o sangue e evitar o entupimento dos vasos por coágulos. Porém estudos recentes sugerem que os riscos potenciais podem superar qualquer benefício. Um estudo que foi realizado na Universidade Monash, na Austrália, de alta qualidade, ou seja, randomizado, duplo-cego e controlado por placebo, demonstrou que o uso da aspirina em uma população de 20 mil idosos saudáveis não prolongou a sobrevida livre de incapacidade em um período de cinco anos, mas na verdade levou a uma taxa mais alta de sangramento. Um segundo estudo confirmou esses resultados, encontrando o risco de hemorragia grave principalmente no trato gastrointestinal do intestino delgado e sangramento intracraniano. E um terceiro estudo encontrou maior mortalidade por todas as causas em adultos idosos aparentemente saudáveis que usaram aspirina. Vou deixar os links desses estudos na descrição. Bem, e esse risco de sangramento no estômago é ainda maior para aqueles que estão infectados pela bactéria H. pylori. Já a nattokinase reduz a formação de coágulos sem efeitos colaterais.
  • O Natto é um produto de soja fermentado que é consumido como alimento tradicional no Japão há milhares de anos. Eu falei sobre soja fermentada em um vídeo recente, veja o card. A Nattokinase é uma enzima produzida pela bactéria Bacillus subtilis durante a fermentação da soja para produzir natto.
  • Então, quais seriam os benefícios da nattokinase ?
    • 1. Reduz os coágulos sanguíneos.
    • 2. Dissolve o excesso de fibrina nos vasos sangüíneos, melhorando a circulação e reduzindo o risco de coagulação exagerada.
    • 3. Reduz a viscosidade e melhora o fluxo sangüíneo.
    • 4. Reduz a pressão arterial.
    • 5. Melhora as sinusites crônicas.
    • 6. Aumenta o HDL colesterol.
  • A nattokinase é um trombolítico forte, comparável à aspirina, sem os mesmos efeitos colaterais graves. Mas o seu cardiologista não vai te contar isso, sabe porque ? Porque isso ainda não é ensinado nos congressos médicos porque nenhuma empresa de Big Pharma desenvolveu um produto baseado nisso. Mas a ironia é que existe um produto em fase II de estudos clínicos nos EUA, que será baseado na nattokinase. Aí sim, quando lançarem esse produto, e eles pegarem a patente, a partir daí os representantes das grandes farmacêuticas vão começar a divulgar, e o seu cardiologista vai te contar a respeito.
  • Para conhecer mais detalhes sobre como usar a nattokinase, faça parte do grupo de apoiadores. 
  • Natto é um alimento tradicional japonês geralmente consumido em mesas de café da manhã, juntamente com sopa de missô, peixe e arroz. Ao contrário de muitos outros alimentos à base de soja, o natto é fermentado, o que é responsável por muitas de suas propriedades promotoras a saúde. É feito ao deixar de molho a soja integral, e em seguida, ferver ou cozinhar no vapor, para depois adicionar a bactéria Bacillus subtilis à mistura. É preciso deixar fermentar por um tempo. Eu recomendo que vocês adquiram separadamente a soja orgânica e o bacilo que funciona como se fosse um fermento, e preparem seu natto em casa. É possível adquirir o bacilo no site do mercado livre ou em lojas.
  • Natto é conhecido por ser um gosto bastante característico, que lembra queijo envelhecido. Tem um sabor distinto e amargo, e para muitas pessoas, o cheiro pode lembrar uma mistura de meias velhas e queijo velhos. Quanto à textura, assemelha-se a um pequeno feijão grudento e pegajoso que para algumas pessoas pode parecer desagradável. As pessoas geralmente amam ou odeiam o natto. Mas se você conseguir passar por cima de sentimentos ruins ele tem excelentes propriedades para a sua saúde.
    • 1. Rico em vitamina K, especialmente a forma K2. A vitamina K2 é importante porque é considerada um componente chave na manutenção da densidade dos ossos de mulheres na pós-menopausa que sofrem de osteoporose. Esta é especialmente uma boa notícia para quem é vegano porque a natto é uma das poucas fontes de vitamina K2 à base de plantas. A vitamina K2 impede a calcificação das artérias e diminui as doenças cardiovasculares
    • 2. Contém nattokinase. Segue uma lista de doenças que a nattokinase pode ajudar a tratar. 
 
    • 3. Cheio de probióticos. O bacillus subtilis que é usado para fermentar os feijões de soja ajuda a sintetizar enzimas, que são usadas para reduzir a coagulação do sangue e produz vitaminas de vitamina K e B. Ele foi usado até mesmo como um antibiótico de amplo espectro. Pesquisa demonstram que esse bacilo melhora os sintomas da síndrome do intestino irritável, sustenta um microbioma saudável e ajuda a proteger contra a inflamação. No entanto, em geral, o maior benefício dos alimentos fermentados, como o natto, é que eles apoiam a saúde geral e a imunidade para reduzir o risco de doenças e manter o corpo em boa forma.
    • 4. Promove a saúde dos ossos. Natto é carregado com vários micronutrientes importantes que desempenham um papel importante na saúde dos ossos. Esses nutrientes são o cálcio, a vitamina K2, manganês, zinco e cobre. Para saber mais sobe osteoporose assista ao vídeo do card.
    • 5. Melhora a saúde digestiva – natto pode ajudar a equilibrar as bactérias em seu intestino para otimizar a saúde do seu sistema digestivo. Pesquisas mostram que as perturbações neste delicado microbioma intestinal podem ter sérias conseqüências que vão desde problemas digestivos até o aumento da gravidade da alergia. Temos vários vídeos no canal sobre microbioma, é só pesquisar. Os probióticos obtido a partir de alimentos ou de suplementos é benéfica no tratamento de diarréia, colite ulcerativa e síndrome do intestino irritável, entre outras doenças.
    • 6. Mantém o coração saudável. É um dos alimentos mais densos em nutrientes do planeta. Segue o perfil nutricional do Natto. 
  • Como tem bastante fibras e vitamina K2 pode ajudar a diminuir os níveis de colesterol oxidado e assim evitar o acúmulo de placas nas artérias. Para entender mais sobre colesterol e aterosclerose assista ao video do card. Ajuda a manter a pressão arterial mais baixa e diminuir a coagulação sangüínea, isso também é falado no vídeo sobre nattokinase. Manter a pressão arterial sob controle pode ajudar a aliviar o estresse nas artérias e manter o músculo cardíaco saudável e forte.
  •  Para quem faz parte do grupo de apoiadores vai ter acesso a locais onde comprar soja fermentada e também receitas culinárias usando o Natto.
Dr. Alain Dutrahttps://artigos.alainuro.com
Dr. Alain Dutra é médico urologista e aplica a Medicina Funcional, Integrativa e de Estilo de vida e princípios ortomoleculares.

More from author

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Outros Artigos

Últimos artigos

Síndrome do Intestino Irritável – Seu diagnóstico está correto?

Síndrome do Intestino Irritável - Seu diagnóstico está correto? Talvez pode ter passado em consulta e ter sido diagnosticado ou diagnosticada com síndrome do intestino...

Excesso de Ferro e falta de ferro! Sintomas e perigos!

Excesso de Ferro e falta de ferro! Sintomas e perigos! Neste artigo eu vou te explicar da forma mais simples possível o que é ferritina...

Açafrão – 12 usos para saúde, pele e cabelo, guia com receitas!

Açafrão - 12 usos para saúde, pele e cabelo, guia com receitas!!! Comece a ingerir açafrão da terra todos os dias. Ele é também conhecido como...

Assine nosso newsletter e receba as últimas notícias direto em seu e-mail

loading...