• Acordar várias vezes a noite para urinar é um grande transtorno, não é mesmo ? Além de atrapalhar um dos quatro pilares da saúde, o que pode comprometer o funcionamento de todo o corpo, ainda aumenta muito o risco de quedas e das fraturas. Um estudo piloto recente avaliou a combinação de 4 nutrientes mais a melatonina para reduzir a freqüência urinaria noturna, e o resultado desse estudo foi positivo.
  • O aumento da freqüência urinaria noturna, a chamada noctúria, atinge pelo menos metade dos homens a partir dos 50 anos de idade e pode atingir 70% a partir dos 80 anos. Isso tem grande impacto na qualidade de vida e com aumento da mortalidade geral. Um dos vídeos mais vistos do canal é sobre o tratamento natural do aumento da próstata, se não assistiu ainda veja no card.
  • A combinação do beta-sitosterol com pygeum africanum, licopeno, boro e melatonina apresentou bons resultados para combater a noctúria em um recente estudo. No começo do estudo 87% dos homens levantavam várias vezes a noite para ir ao banheiro. Após o uso da combinação apenas 23% desses homens estavam ainda levantando, uma redução de 64%.
  • Mas como esses nutrientes agem ?
  • O beta-sitosterol é retirado de alguns vegetais e nozes. Ele inibe uma enzima chamada 5-alfa redutase e isso faz diminuir o tamanho da próstata.
  • O extrato do pygeum africanum é extraído da casca de uma árvore. Ele apresenta efeitos antiinflamatórios, reduz a hiperatividade da bexiga e reduz o tamanho da próstata.
  • O licopeno é um carotenóide com propriedades antiinflamatórias. Também tem atividade de reduzir o tamanho da próstata por inibir a enzima 5-alfa-redutase e tem efeito anti-proliferativo.
  • O mineral boro também reduz a inflamação e combate fatores de crescimento que podem aumentar a próstata.
  • melatonina é o hormônio do sono e para saber mais veja o vídeo do card. Além de induzir o sono se tomada na hora de deitar, estudos tem demonstrado que esse hormônio tem ajudado a reduzir a quantidade de vezes que os homens levantam para urinar.
  • Você provavelmente notou a ausência do saw palmetto e da urtiga dióica nesse estudo. Não sei dizer porque não foram utilizados mas como você pode ver no meu vídeo de próstata que está no card eles também são muito úteis nos pacientes portadores de próstata aumentada

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.