Nódulos na Tireoide – Como Diminuir Naturalmente

Nódulos na Tireoide – Como Diminuir Naturalmente

Neste material eu vou falar sobre como diminuir nódulos na tireoide naturalmente.

Mas, antes quero fazer um aviso.

Este conteúdo não se destina a tratar, diagnosticar ou substituir seus cuidados médicos. Trata-se de um material informativo. Consulte seu profissional de saúde antes de retirar ou iniciar qualquer suplemento ou medicamento.

Nódulos na Tireoide são extremamente comuns

Para você ter uma ideia, 50% das pessoas com mais de 40 anos têm nódulos na tireoide e cistos, e também são comuns em crianças e adultos jovens.

Os nódulos podem ir e vir por conta própria e 95% deles são benignos, Portanto, apenas uma porcentagem muito pequena está relacionada ao câncer.

Os exames de ultrassonografia e exames de sangue podem ajudar a detectar os nódulos e possíveis anormalidades.

90% das condições de hipotireoidismo são devido à tireoidite de Hashimoto

Esta é uma condição autoimune em que seu sistema imunológico ataca o tecido tireoidiano saudável.

E essa condição autoimune causa uma inflamação que pode fazer aparecer mais nódulos na tireoide.

Também podem aparecer nódulos sem que haja uma doença autoimune envolvida.

Eu tenho muitos vídeos sobre hipotireoidismo no meu canal do youtube se você quiser se aprofundar mais nesse assunto.

Outra dica que deixo é que eu tenho um vídeo recente no Youtube que ensino a fazer os testes em casa para verificar possíveis nódulos da tireoide e alterações.

Na minha opinião você só deve biopsiar um nódulo suspeito se ele continuar existindo mesmo após 6 meses das medidas que vou expor nas imagens.

Mas sempre discuta as opções com o seu médico de confiança.

Guia de 9 passos importantes para reduzir ou até eliminar os nódulos na tireoide

1 – Retirar leite e derivados!

A primeira coisa que temos que pensar é em evitar alimentos inflamatórios e carregados de hormônios.

Portanto, elimine todos os laticínios para ver se os nódulos na tireoide diminuem. Isso porque o leite têm muitos hormônios diferentes e podem estimular o crescimento e inflamação da sua tireoide.

Se você pensar no leite em geral, ele é feito para criar animais como bezerros, como ovelhas etc…

Portanto, o leite tem muitos hormônios de crescimento diferentes. E se você estiver consumindo leite, em especial diariamente, isso pode ser um fator contribuinte para os nódulos.

A caseína, que é uma proteína encontrada no leite e derivados, pode levar a inflamação que exacerbar a atividade dos anticorpos contra a tireoide.

Assista meu vídeo Leite e derivados são ruins para você?

2 – Atenção ao Glúten!

A segunda coisa é o glúten, pois ele está principalmente associado à Tireoidite de Hashimoto.

Sem entrar em detalhes, existe uma semelhança ou um cruzamento da genética do glúten e sua tireoide.

Se você tem Hashimoto e consome glúten, seu corpo vai identificar esse glúten como um invasor externo, e começar a desenvolver anticorpos contra a sua tireoide, isso por conta dessa semelhança.

Em alguns casos é possível que nódulos diminuam ou desapareçam apenas eliminando o glúten.

O ideal é fazer exames para doença celíaca antes de retirar o glúten completamente da sua alimentação, porque o diagnóstico da doença celíaca só é possível se você está comendo glúten.

Assista meu vídeo GLÚTEN – Não faz bem a você.

3 – Ligação com a Resistência Insulínica

Há alguns dados de que a resistência à insulina, que ocorre quando você consome muitos carboidratos refinados, predispõe a desenvolver nódulos na tireoide.

Portanto uma dieta Low carb ou mesmo Cetogênica, aliado ao jejum intermitente podem ser ferramentas ótimas para diminuir esses nódulos.

4 – Combater a predominância estrogênica

Se você tem excesso de estrogênio, entenda que a tireoide tem receptores de estrogênio, então esse excesso pode causar nódulos.

É por isso que as mulheres que têm predominância em estrogênio muitas vezes são mais suscetíveis a ter nódulos, especialmente quando estão tomando pílulas anticoncepcionais ou quando estão tomando algum tipo de estrogênio sintético, como na terapia de reposição hormonal.

Então, se essa é a sua situação, veja com o seu médico, talvez você possa pensar em alguma outra forma de pílula anticoncepcional ou alguma outra terapia de reposição hormonal natural, porque o estrogênio afeta muito a tireoide.

Existem medidas e fitoterápicos naturais para ajudar a diminuir o estrogênio.

5 – Deficiências de selênio

Na maioria dos casos os nódulos na tireoide vão aparecer por deficiência de selênio e/ou de iodo.

Mas é necessário um equilíbrio entre esses minerais. E, definitivamente, uma suplementação de selênio ou acrescentar mais em sua alimentação, é parte importante no tratamento dos nódulos.

O selênio atua como antioxidante e a tireoide pode inflamar por excesso de iodo sem a ação benéfica contrabalanceada do selênio em pessoas com a tireoide inflamada, como é o caso do Hashimoto.

O selênio além de ajudar na formação da glutationa, que é uma das principais enzimas antioxidantes, também ajuda a diminuir os anticorpos no Hashimoto.

E o tipo de selênio que você deve usar é aquele ligado a uma proteína como é o caso da selenometionina, porque esse é o selênio natural encontrado nas plantas.

6 – Iodo é importante mas com cautela

Muitas pessoas pensam que devem tomar iodo em altas doses (lugol) se tiver um nódulo e isso pode estar correto em alguns casos, mas em outros NÃO.

Se você tomar quantidades excessivas de iodo, você pode também criar nódulos. Se tiver excesso de iodo e não tiver selênio pode acontecer uma inflamação na sua tireoide, isso se você tiver a Doença de Hashimoto, que é a causa mais comum de deficiência de funcionamento da tireoide ou hipotireoidismo.

Então o iodo pode te ajudar a eliminar nódulos se você tiver uma deficiência de Iodo, mas existe uma proporção correta entre Iodo e Selênio. Então não é indicado suplementar Iodo sem o selênio.

Assista meu vídeo A polêmica do Lugol | Tomar ou não tomar?

7 – Zinco!

Uma deficiência em zinco pode aumentar sua suscetibilidade de ter nódulos na tireoide.

O zinco é um mineral essencial para produção de hormônios na tireoide e para seu bom funcionamento.

Onde você consegue mais zinco? Na carne vermelha, mariscos, ostras, ovos, semente de abóbora, grão de bico etc…

8 – Nutracêuticos com ação anti-inflamatória

Usar estratégias para combater a inflamação geral do corpo pode ser muito importante.

Além de obter uma alimentação mais saudável, diminuir alimentos industrializados, carboidratos processados e alimentos com glúten, leite e soja.

Você pode incluir nutracêuticos anti-inflamatórios como é o caso do ômega 3 e da combinação da Curcumina, Boswellia serrata e Spirulina.

Há um estudo interessante que fala sobre a combinação desses três suplementos (Curcumina/Boswellia/Spirulina) na redução significativa nos nódulos na tireoide.

Bem, e ainda a Spirulina contém Iodo e selênio em doses equilibradas.

Assista meu vídeo Conheça seis alternativas naturais a antiinflamatórios

9 – Complementos como Vitamina D, vitamina E e A

Agora, como uma observação adicional, lembre-se que a vitamina D é realmente benéfica para o Hashimoto.

Se você tem alguma doença autoimune, você terá deficiência de vitamina D. Também é importante tomar vitamina E, a forma completa com os oito vitâmeros, como é o caso do mix de tocoferóis e tocotrienóis.

O óleo de fígado de bacalhau também pode ser interessante, porque ele é rico nas vitaminas A, D e ômega 3.

Este conteúdo não se destina a tratar, diagnosticar ou substituir seus cuidados médicos. Trata-se de um material informativo. Consulte seu profissional de saúde antes de retirar ou iniciar qualquer suplemento ou medicamento.

MATERIAIS COMPLEMENTARES

Tireoide FAQ – As principais dúvidas sobre saúde da Tireoide!

REFERÊNCIAS E ESTUDOS

36ba000bbef6eff0bba1f0259a77102f?s=96&r=g
Dr. Alain Dutrahttps://artigos.alainuro.com
Dr. Alain Dutra é médico urologista. Além dos aspectos tradicionais de uma consulta médica, busco avaliar a sua vida como um todo, para entender onde seus hábitos de vida (sejam esses alimentares, de exercícios ou níveis de estresse) estão contribuindo para o seu atual estado de saúde.

Mais Artigos Relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Outros Artigos

Últimos artigos

Doença Autoimune – Como identificar sinais de que você tem uma?

Doença Autoimune - Como identificar sinais de que você tem uma? Neste artigo vamos falar sobre o primeiro passo no diagnóstico de uma doença autoimune,...

Endometriose – Guia para um tratamento adequado

O que é Endometriose? Guia para um tratamento adequado Atualmente a endometriose ganhou atenção nas mídias e, infelizmente, ainda não é sobre o tratamento adequado...

Colesterol HDL pode ajudar a proteger contra o Alzheimer

Colesterol HDL pode ajudar a proteger contra o Alzheimer Alzheimer e Colesterol HDL - Será que o "colesterol bom" ajuda na prevenção do Alzheimer? Nós...

Assine nosso newsletter e receba as últimas notícias direto em seu e-mail

spinner
loading...
error icon
redirect