Permeabilidade intestinal – Causas e consequências

Leaky Gut, também chamado de “permeabilidade intestinal” ou “hiper permeabilidade intestinal”, ocorre quando as junções estreitas entre as células que revestem o intestino delgado ficam com “furos”.

Leaky Gut - Permeabilidade intestinal

Nosso intestino é a primeira proteção do corpo ao mundo externo depois da pele, pois é ele quem faz o filtro do que pode ou não entrar.

Esse filtro é feito principalmente pelas junções de aderência (tight junction) e zonulina.

Como se forma a permeabilidade intestinal?

Imagine o intestino como se fosse uma rede de pescador, o que deveria ser permitido passar por essa rede, são pequenas partículas.

Mas quando a rede se torna desgastada e cheia de furos, o que acontece é que grandes partículas começam a passar através dessa rede

Isso permite que fragmentos bacterianos, toxinas e partículas de alimentos não digeridas entrem na corrente sanguínea, causando potencialmente uma resposta imune indesejada.

Quando o trato digestivo é inflamado por sensibilidades alimentares, toxinas, parasitas, bactérias ruins ou disbiose, sua camada mucosa protetora se rompe e essa inflamação pode levar aos “furos” nas junções do intestino.

Permeabilidade intestinal - Junções inflamadas

Consequências da permeabilidade intestinal

Então como sempre falamos em meus textos e vídeos, o estilo de vida ruim, leva a muitos problemas, inclusive a permeabilidade intestinal

Imagine que você está causando uma recorrente inflamação no seu intestino, causando danos, alimentando uma disbiose já existente, aumentado essa inflamação e levando a um intestino permeável, consequentemente se não tratado, isso pode levar a sintomas e doenças diversas, principalmente doenças autoimunes

Se meu intestino estiver permeável eu vou ter sintomas?

Sim e não. Muitas pessoas podem não ter sintomas ou apenas sintomas leves.

Outras podem ter:

  • Fadiga
  • Cansaço
  • Sensibilidades alimentares
  • Diarreia
  • Constipação
  • Inchaço
  • Dor abdominal
  • SII
  • Colite

Mas, qual a complicação de ter o permeabilidade intestinal?

A permeabilidade intestinal tem sido implicada como um fator em muitas condições médicas, incluindo doença celíaca, doença de Crohn, síndrome do intestino irritável e muitas doenças autoimunes

A lista é extensa de possíveis consequências de uma permeabilidade intestinal:

  • Fadiga crônica e falta de energia 
  • Dor e inflamação nas articulações
  • Síndrome do Intestino Irritável
  • Acne ou lesões na pele
  • Distúrbios autoimunes do sistema imunológico, como tireoidite de hashimoto, artrite reumatoide, doença celíaca, fibromialgia, lúpus entre outras.
  • Alergias alimentares e sensibilidades alimentares
  • Inflamação arterial 
  • Anemia
  • Má absorção de nutrientes 
  • Doenças crônicas diversas

Se você é alguém que tem uma crescente lista de sensibilidades alimentares, significa que toda vez que você come um alimento o seu corpo começa a reagir mal a ele, então, há uma boa chance de você ter intestino permeável

E o que causa o intestino permeável?

São muitos os fatores, muitas vezes uma junção deles. E esses fatores na maioria, são aqueles que causam uma série de doenças. 

01- A disbiose intestinal.

Seja por crescimento excessivo de bactérias (SIBO), parasitas ou fungos (SIFO).

Ambos são um contribuidor bem reconhecido de aumento da inflamação intestinal, desencadeando a liberação de zonulina e reduzindo a camada mucosa protetora no intestino grosso ou delgado.

02 – Dieta pobre e alimentos inflamatórios como açúcar, álcool e alimentos processados.

Reações a proteínas inflamatórias como a caseína e o glúten.

Foi demonstrado que o glúten e a gliadina, as proteínas do trigo, cevada e centeio, aumentam a zonulina em pessoas celíacas e não celíacas.

A zonulina aumenta a permeabilidade intestinal. Os principais contribuintes para os níveis elevados de zonulina são a disbiose intestinal e a ingestão de alimentos que contêm glúten ou gliadina.

03 – Medicamentos como antibióticos e anti-inflamatórios.

Podem afetar negativamente as populações de bactérias benéficas, o que pode levar a permeabilidade intestinal e deixá-lo vulnerável a infecções oportunistas.

Assim como o uso de AINEs (anti-inflamatórios não esteroides) e aspirina e alguns medicamentos prescritos demonstraram aumentar a permeabilidade intestinal.

As pílulas anticoncepcionais podem afetar negativamente o microbioma intestinal e aumentar o risco de inflamação intestinal.

04 – O estresse aumenta o cortisol e outros hormônios que podem contribuir para o intestino permeável

O estresse crônico pode dificultar a solução de problemas intestinais e também levar a uma sintomas como a síndrome do intestino irritável

05 – Dormir mal

Dormir mal pode afetar sua saúde intestinal e levar à permeabilidade intestinal. 

06 – Toxinas, defensivos agrícolas, metais tóxicos

Podem levar a uma série de problemas a médio e longo prazo.

Isso inclui a inflamação intestinal e disbiose, que consequentemente leva ao intestino permeável. 

Fontes de estudos:

https://bmcgastroenterol.biomedcentral.com/articles/10.1186/s12876-014-0189-7
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24943095
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25691839
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/28601482
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/31472678
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/29119385
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/19112401
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/6150232
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/15822038
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/16635908
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/31990165
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/12524403?dopt=Abstract
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/29202198
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/31211803
https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/28652650

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.