Baixo libido e disfunção da tireoide

Baixo libido e disfunção da tireoide

Os sintomas da tireoide têm sido associados à disfunção erétil em homens, relações sexuais dolorosas em mulheres e baixo libido em ambos os sexos.

Os hormônios da tireoide influenciam em todas as células, órgãos e sistemas do corpo, incluindo aqueles que envolvem saúde e prazer sexual.

Os sintomas da tireoide frequentemente estão associados a problemas de disfunção sexual.

Tanto o hipotireoidismo quanto o hipertireoidismo têm sido associados à disfunção erétil em homens, relações sexuais dolorosas em mulheres e baixo libido em ambos os sexos, entre outros problemas.

Fatores que contribuem com a baixo libido

Na verdade, pesquisas mostraram que mulheres com doenças da tireoide, em especial doenças autoimunes, experimentam uma prevalência maior de baixo libido em algum momento de suas vidas.

Isso também vale para os homens – com cerca de 64% dos homens com hipotireoidismo podem sofrer de diminuição da libido e outros problemas de função sexual.

O processo de envelhecimento também causa mudanças em nossos níveis de hormônios sexuais (incluindo estrogênio, progesterona, testosterona e DHEA) ao longo do tempo, começando logo aos 30 anos.

Vamos ver alguns fatos e ligações da tireoide com disfunção sexual e baixo libido

01 – Problemas de tireoide podem aumentar o declínio na produção de hormônios sexuais

Nossos hormônios sexuais e tireoidianos fazem parte de uma rede geral de comunicações hormonais em nosso corpo, conhecida como eixo HPA (hipotálamo-hipófise-adrenal).

Uma tireoide lenta pode reduzir a produção dos hormônios sexuais necessários para uma função sexual ideal e libido saudável.

02 – Predominância estrogênica

Acontece por excesso de estrogênio ou falta de progesterona. Na maioria das vezes por falta de progesterona, pois nas mulheres a progesterona deve estar muito maior no corpo do que o estrogênio.

  • TPM;
  • Fadiga;
  • Irritabilidade;
  • Alterações imunológicas;
  • Disfunção da tireoide;
  • Aumento do risco de certos tipos de câncer;
  • Candidíase.

São questões frequentemente associadas a predominância estrogênica. E essa condição é encontrada em muitas pessoas com disfunção da tireoide.

A predominância de estrogênio, pode ser um gatilho para doenças autoimunes em homens e mulheres.

A dominância do estrogênio também pode piorar os sintomas do hipotireoidismo, aumentando a atividade do hormônio Globulina Ligadora de Tiroxina (TBG), que reduz ainda mais os níveis do hormônio tireoidiano livre em nossos corpos.

03 – Hipotireoidismo em homens

O hipotireoidismo em homens resulta em uma diminuição na globulina de ligação do hormônio sexual (SHBG) – uma proteína produzida pelo fígado que se liga a andrógenos e estrógenos – com testosterona livre reduzida em aproximadamente 60% dos homens.

A produção reduzida de testosterona pode levar a sintomas como:

  • Infertilidade;
  • Disfunção erétil;
  • Baixo libido;
  • Redução da massa muscular.

04 – Apneia do sono

Problemas na tireoide podem aumentar o risco de inflamação e também de apneia do sono.

Outras causas possíveis para o baixo desejo sexual em homens com hipotireoidismo é a apneia do sono.

Um fato pouco conhecido é que a apneia pode levar a um nível anormalmente baixo de testosterona.

05 – Mulheres com hipotireoidismo

As mulheres com hipotireoidismo (principalmente autoimune) também podem sentir uma grande variedade de dores vaginais e pélvicas que estão associadas a condições como:

  • Cistos ovarianos;
  • Endometriose;
  • Disfunção do assoalho pélvico;
  • Irregularidades menstruais;
  • Secura vaginal;
  • Infecções por fungos e muito mais.

Alterações na sensibilidade dos nervos causadas por baixos níveis de hormônios da tireoide (T3), podem desencadear relações sexuais dolorosas e com isso baixo libido.

Por isso muitas mulheres com hipotireoidismo relatam sintomas de dores musculares mais frequentes.

A maioria dessas condições podem melhorar tratando a tireoide, muitas mulheres percebem melhorias como lubrificação, libido e menos dor.

06 – Pílulas anticoncepcionais

Ao usar pílulas anticoncepcionais hormonais, a produção feminina de estrogênio e progesterona natural é suprimida.

Os níveis de testosterona e DHEA (nossos dois hormônios que sustentam a libido) também são suprimidos e a ovulação basicamente é desligada.

Isso pode causar muitos efeitos colaterais, como baixo libido, bem como uma variedade de desequilíbrios hormonais, inclusive sendo gatilho para disfunções da tireoide.

07 – Tireoide hipoativa

A tireoide hipoativa pode causar hiperprolactinemia, uma condição de hormônio prolactina elevado – neste caso, os sintomas são:

  • Redução do desejo sexual;
  • Dor nas mamas;
  • Relações sexuais dolorosas;
  • Secura vaginal.

08 – Depressão, ansiedade e estresse

Depressão, ansiedade e estresse são frequentes associados a problemas na tireoide (principalmente doença da tireoide não diagnosticada ou não tratada adequadamente) e podem influenciar na baixa libido.

Considerações finais importantes

Otimize os medicamentos para tireoide

Otimize os remédios da tireoide para melhorar a libido. Às vezes, apenas ajustar a medicação, ou usar doses de T3 bioidêntico em conjunto com T4, ou apenas isolado, pode ajudar a melhorar os sintomas.

Em uma revisão de pesquisa em 2019, foi descoberto que a otimização dos níveis do hormônio tireoidiano estava associada a melhora da libido (bem como da disfunção sexual) em pacientes masculinos e femininos com hipotireoidismo ou hipertireoidismo.

Causas do baixo libido

Baixo libido no geral, pode aparecer em qualquer ano de sua vida por uma variedade de razões, incluindo:

  • Baixa testosterona em homens e mulheres também;
  • Predominância estrogênica e outros desequilíbrios hormonais;
  • Fadiga adrenal;
  • Depressão;
  • Estresse;
  • Problemas de relacionamento;
  • Disfunção sexual;
  • Medicamentos prescritos;
  • Excesso de peso;
  • Pouco ou muito exercício;
  • Apneia do sono;
  • Problemas de tireoide;
  • Autoimunidade;
  • Falta de alguns minerais e vitaminas;
  • Uso de drogas ou álcool.

A maioria das razões acima, podem estar relacionadas diretamente ou indiretamente com disfunção da tireoide!

Da mesma forma, ansiedade, atitude defensiva, medo e falha de comunicação são forças psicológicas destrutivas que podem prejudicar muito sua libido, seja você homem ou mulher, por atuar como obstáculos ao desejo.

Portanto um médico que olhe o todo, que saiba escutar o paciente, pode ajudar a achar as causas e tratar adequadamente.

Perceba que são muitos fatores e investigando e tratando adequadamente, não só a libido pode melhorar, mas outros sintomas e otimização da sua saúde geral também.

Veja meus vídeos no Canal do Youtube sobre:

  1. Modulação hormonal
  2. Tireoide
  3. Fadiga
36ba000bbef6eff0bba1f0259a77102f?s=96&r=g
Dr. Alain Dutrahttps://artigos.alainuro.com
Dr. Alain Dutra é médico urologista e aplica a Medicina Funcional, Integrativa e de Estilo de vida e princípios ortomoleculares.

More from author

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Outros Artigos

Últimos artigos

O que é Alergia e Rinite Alérgica?

O que é Alergia e Rinite Alérgica? A principal função do nosso sistema imunológico é nos proteger de antígenos (substâncias estranhas ao organismo que desencadeiam...

Incontinência urinária – 6 tipos mais comuns e tratamentos

Incontinência urinária - 6 tipos mais comuns e tratamentos A incontinência urinária afeta 23-31% da população idosa e estima-se que afete 50-65% de ambos os...

Hormônios e ligação com Artrite

Hormônios e ligação com Artrite As doenças autoimunes são mais comuns em mulheres do que em homens e as condições inflamatórias autoimunes artríticas têm tendência...

Assine nosso newsletter e receba as últimas notícias direto em seu e-mail

spinner
loading...
error icon
redirect